Encenação: "TRANSFORMADOS" mais um testemunho do MTA

"EM TODAS ESTAS COISAS, PORÉM, SOMOS MAIS QUE VENCEDORES, POR MEIO DAQUELE QUE NOS AMOU. PORQUE EU ESTOU BEM CERTO DE QUE NEM A MORTE, NEM A VIDA, NEM OS ANJOS, NEM OS PRINCIPADOS, NEM AS COISAS DO PRESENTE, NEM DO PORVIR, NEM OS PODERES, NEM ALTURA, NEM A PROFUNDIDADE, NEM QUALQUER OUTRA CRIATURA PODERÁ NOS SEPARAR DO AMOR DE DEUS, QUE ESTÁ EM CRISTO JESUS, NOSSO SENHOR". (ROMANOS 8:37-39)

Eu não poderia iniciar este breve testemunho sem compartilhar uma palavra que sinto tão real em mim e no Ministério de Teatro Aliança, pois nem as dificuldades ou lutas tem nos afastado do amor de Deus, pelo contrário temos reconhecido a nossa dependência do Senhor, Ele tem nos guiado e mostrado caminhos mais excelentes que os nossos. A cada apresentação tenho uma plena certeza em meu coração: "...não será fácil"; de imediato compartilho com os atores e atrizes do Senhor que compõe o MTA, para que juntos oremos, nos consagremos e jejuemos. Tenho sentindo que a consagração precisa ser ainda maior e mais intensa digamos, porém algo espontâneo e feito com amor. Sempre compartilho com todos a minha experiência no MTA ao longo destes 4 anos, daria para escrever um livro com alguns relatos dos momentos que nos fizeram ser humildes e amadurecidos no Senhor. Nas horas que antecediam a encenação: TRANSFORMADOS no IV Congresso de Jovens - TRANSFORMADOS PELA CRUZ, uma irmã de nossa igreja veio até onde estávamos reunidos, um camarim improvisado no salão social de nossa igreja e ali mesmo ela me abraçou, começando em seguida a falar em línguas as maravilhas de Deus para o nosso ministério. Ela disse que as lutas que temos passado e que passamos nos dias da apresentação, foi para que crescêssemos como cristãos diante de Deus e para continuarmos humildes; eu entendi Deus dizer: "A Glória é para mim Filhos", Deus nos fez lembrar a motivação de estarmos ali, levar o evangelho em nossas vidas pela arte e exaltar ao único e suficiente Senhor que se deu por nós.

As lutas começaram nos primeiros ensaios, incertezas surgiram quanto a apresentação, em uma das reuniões marcadas com a equipe do MTA que haviam sido escalados para tal apresentação, muitos dos componentes não compareceram e por momentos pensei em desistir, o meu lado barro-homem queria falar mais alto. Na verdade tínhamos em mente, eu, Nilda e Cristalva um ato profético, mais na mesma tarde que pensei em desistir, reunidos com alguns membros que compareceram, o Espírito Santo começou a encher literalmente a nossa vida e esta encenação foi nascendo da forma mais espontânea que se pode imaginar. Estávamos na mesma tarde reunidos os participantes da encenação TRANSFORMADOS e por algum motivo Deus queria que nós estivéssemos nesta apresentação, até porque, é o Pai quem conduz as escalas.
Durante a semana de decisões foi uma correria intensa, mais Deus foi abrindo as portas, conseguimos o tecido branco, agradecemos a irmã Cida Bernardo e fomos surpreendidos no sábado quando não encontramos o pano vermelho que queríamos, uma loja enorme não havia nenhum tipo de pano vermelho, isso mesmo, nenhum tipo. Deus foi misericordioso novamente e na mesma manhã consegui comprar em Campinas, onde estava cuidando de outros compromissos particulares. Conseguir a cruz também foi em meio a lutas, ligava para o irmão que estava com a mesma e o telefone não atendia, depois soube que ele havia viajado e tudo parecia difícil, mais eu podia sentir que a mão poderosa do Senhor Jesus nos cobria de proteção, Deus colocou pessoas de todos os lados ajudando, pessoas que as vezes nem imaginávamos, aos mais próximos pedi orações pelo grupo, pois sei que somos muito amados pelos irmãos. Conseguimos pegar a cruz e o ensaio no sábado 16/07 fluiu tremendamente, nas orações eram mais manifestações claras do amor de Deus.
Eu posso dizer que estou muito emocionado ainda com tudo o que aconteceu. No domingo dia da apresentação, fui despertado pelo Senhor com grande incomodo no meu íntimo, ia dar 7:00hs da manhã, parei e orei pelo congresso e pela apresentação, com muito sono não consegui ajoelhar fazendo minha oração na cama mesmo. Algumas horas depois a notícia que nossa vice-líder e diretora estava indo para o hospital com dores de cabeça e muito vômito, quase me abalei, comuniquei na igreja, pedi oração e chorei muito, eu precisava chorar naquela manhã. Em orações toda a igreja, senti o Senhor intervindo naquela causa e assim se fez. À noite soube de lutas que os irmãos passaram além de mim, como exemplo o nosso ator Antônio Carlos Klein, que teve problemas de saúde e quase não conseguia chegar a igreja naquela noite, pois a chave do carro havia sumido.
Amados(as), nem todos estes relatos foram capazes de nos afastar do amor de Deus que está em Cristo Jesus, o Senhor nos deu a vitória, as roupas estavam lindas, os atores e atrizes reunidos num só corpo, num só espírito, num só coração e a glória de Deus foi derramada em nós e na igreja.
A encenação TRANSFORMADOS marcou também a estréia das atrizes: Isabel Angélica e sua tia Miriam Amorim, no elenco infantíl tivemos a estréia de: Gustavo Pires, que levou muita emoção ao viver um garotinho que era levado a usar drogas e se arrepende no final.
Poderia ficar aqui falando, escrevendo, relembrando, mais quero só agradecer ao Senhor Jesus, porque a mensagem da cruz foi levada da forma mais bonita possível, demos o nosso melhor, demos a nossa verdadeira adoração e nos deixamos ser transformados pela cruz em primeiro lugar.
Pudemos ver a bondade de Deus do começo ao fim, não me reconheci na ministração que fiz, não me sentia em mim, apenas amava tremendamente a cada um que olhava. Esta linda parceria foi composta por mim, por Nilda Brandão, Leonardo Gregório nosso Léo, Guilhermes Pires nosso Gui, Cris Cavalcanti, Antônio Carlos Klein, Gustavo Pires nosso Gu, Miriam Amorim e Isabel Angélica, todos com uma aliança maravilhosa com o nosso Deus por quem vivemos.

Vejam mais momentos da encenação que tocou o coração da Igreja do Nazareno Rosolem e transformou o MTA:

Miriam vivendo uma cartomanete.

Tentando ler a sorte de uma mulher sem destino...

O arrependimento...Cris viveu uma garota de programa...

O arrependimento...

Ministração...


Os anjos mais lindos....

Os escolhidos....

Os anjos da encenação TRANSFORMADOS...

O meu amor em Cristo a vocês e o muito obrigado.


Por: Diego Pinto

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Luto: "Biel voltou para casa, voltou para o céu!"

Vídeo em homenagem ao meu cunhado Roberto

Novo Logotipo da Igreja do Nazareno - entenda!