Notícias e nossas Orações por esta família: Corpo de Brayan Yanarico Capcha será levado para Bolívia na terça-feira


NOSSA ORAÇÕES PARA QUE O ESPÍRITO SANTO DE DEUS CONFORTE OS PAIS DESSE ANJINHO QUE TEVE SUA VIDA ARRANCADA DO CONVÍVIO FAMILIAR...ESTÁ NO CÉU COM O SENHOR.

Segundo a mãe do menino boliviano de cinco anos, que morreu após ser baleado na cabeça por criminososVeronica Capcha Mamani, a criança não gostava de viver no Brasil porque na casa onde a família morava não tinha espaço para ele brincar.
O corpo do garoto Brayan Yanarico Capcha será levado para Bolívia na terça-feira (2), onde será sepultado.
Representantes do Consulado da Bolívia, em São Paulo, confirmaram uma reunião a partir das 16h de segunda-feira (1º), na sede do consulado, com os imigrantes que moram na capital paulista. Depois da morte do menino e as declarações dadas por diversos bolivianos sobre os problemas que enfrentam em São Paulo, o cônsul marcou a reunião para que comunidade informe sobre esses problemas. Além de falarem com o cônsul, a comunidade boliviana irá aproveitar para fazer uma manifestação.
O crime
Um morador chegava em casa de carro, por volta da 0h30 desta sexta-feira (28), quando seis homens se aproximaram, cinco deles estavam encapuzados. Eles estavam com duas armas e quatro facas. Três famílias de origem boliviana moram na residência que fica na Vila Bela, em São Mateus, zona leste de São Paulo. O imóvel é dividido em cômodos com cama, armários, fogão, geladeira e pia.
As dez pessoas que estavam na casa foram levadas para um desses quartos, no piso superior e mantidas reféns. Brayan estava no andar de baixo e foi entregue à mãe por um dos assaltantes. Ele ficou assustado e começou a chorar no colo dela.
Os criminosos roubaram R$ 4.500 durante o assalto. Eles ainda pediam mais dinheiro e ficaram incomodados com o choro do menino. Um dos assaltantes, armado com um revólver, mandou a criança se calar, caso contrário, atiraria. Foi naquele momento que Brayan pediu para não ser morto e também para que não assassinassem a mãe dele.
O menino levou um tiro na cabeça depois que a mãe ajoelhou e mostrou a carteira vazia. Após o crime, eles fugiram levando o dinheiro. O menino foi levado a um hospital, mas já chegou morto à unidade de saúde. O corpo dele vai ser enterrado na Bolívia.
Os pais de Brayan vieram com ele para o Brasil há seis meses. Eles moravam e trabalhavam como costureiros no mesmo imóvel onde aconteceu o crime. Após a tragédia, a mãe disse que não quer mais continuar vivendo no País e vai voltar à Bolívia nos próximos dias. Brayan era filho único do casal.

Meu Deus...é tanta violência...é tanta maldade, crueldade, que chegamos a pensar que estamos mesmo perdidos, pensamos que não há mais esperança...queremos nos vingar...aí me lembro:

"...não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira; porque está escrito: A mim me pertence a vingança; eu é que retribuirei, diz o Senhor. (Romanos 12:19)

''Qualquer, porém, que fizer tropeçar a um destes pequeninos que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma grande pedra de moinho, e fosse afogado na profundeza do mar. (MATEUS 18:6)"

"16 Seis coisas o SENHOR aborrece, e a sétima a sua alma abomina:
17 olhos altivos, língua mentirosa, MÃOS QUE DERRAMAM SANGUE INOCENTE...(Provérbios 6:16-17)

" E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor se esfriará de quase todos. (MATEUS 24:12)

Sei que este é mais um anjinho que foi para o céu...Jesus mesmo disse que dos pequeninos eram o seu Reino. Que Espírito Santo faça aquilo que infelizmente não temos poder para fazer, CONSOLAR, a esta família que chora lágrimas de sangue, que estão com os corações estraçalhados, devastados, por tamanha desgraça, pai, mãe, amigos, toda uma nação chocada. DEUS TENHA MISERICÓRDIA dos nossos dias...


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Luto: "Biel voltou para casa, voltou para o céu!"

Testemunho de cura: MATHEUS PIVATO - 4 ANOS - O SUPERMAN!

Vídeo em homenagem ao meu cunhado Roberto