SBT transmitirá funeral de criador do Chaves em estádio do México


O SBT interromperá a programação de domingo para transmitir o funeral de Roberto Gómez Bolaños, criador do Chaves, morto nesta sexta-feira (28) em Cancún, no México. O velório será realizado no estádio Azteca, na Cidade do México. A despedida está marcada para 14h (horário de Brasília), mas a transmissão começará às 11h, dentro do Domingo Legal, e será ancorada pelo jornalista Carlos Nascimento. O velório também ocupará o programa de Eliana, que irá ao ar excepcionalmente ao vivo. 
O jornalismo do SBT está de plantão neste final de semana para acompanhar a despedida a Bolaños. Uma equipe de reportagem estará no estádio Azteca, neste domingo, cobrindo o funeral. A emissora cogita instalar no Memorial da América Latina, em São Paulo, uma réplica da vila do Chaves. 
Palco da final das Copas do Mundo de 1970 e 1986, o estádio Azteca, onde Bolaños será velado, serviu de cenário para o primeiro filme roteirizado e estrelado pelo comediante, El Chanfle (1979), em que interpreta o roupeiro de um time de futebol. 
Desde as 6h deste sábado, a emissora transmite uma maratona de capítulos de Chaves. Na segunda-feira (1°), a partir das 18h15, exibirá um novo pacote de "episódios perdidos", segundo anunciou o diretor de programação da emissora, Murilo Fraga, no Twitter. O SBT mantém engavetados cerca de 40 capítulos de Chaves e 50 de Chapolin, de acordo com o Fã-Clube Chespirito Brasil. A emissora nega.
Nesta sexta (28), o SBT parou a exibição de Chaves para noticiar a morte de Bolaños. O SBT Brasil colocou no ar depoimentos de fãs gravados o final de 2013 em tom de despedida. Após Chiquititas, a emissora veiculou o especial Obrigado, Chaves, que estava pronto havia um ano, sobre a história de Bolaños. O Programa do Ratinho reprisou a conversa de Carlos Massa com o criador do Chaves em 2011, a última do comediante a uma emissora brasileira.
Roberto Gómez Bolaños morreu na tarde desta sexta-feira (28), de parada cardíaca, aos 85 anos. A morte do ator e escritor foi confirmada pela emissora mexicana Televisa, que interrompeu a programação para exibir um especial com os melhores momentos da carreira do humorista.
Bolaños vivia isolado em Cancún, cidade litorânea do México, com a mulher, Florinda Meza, a Dona Florinda da série Chaves. O comediante tinha problemas respiratórios e de locomoção, e estava desde o final do ano passado respirando com um cilindro de oxigênio.

Fonte: UOL
http://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/televisao/sbt-transmitira-funeral-de-criador-do-chaves-em-estadio-do-mexico-5704

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

LUTO: Neuza Garcia... Jesus vive! Você também vive!

Testemunho de cura: MATHEUS PIVATO - 4 ANOS - O SUPERMAN!

Corrente de Oração: Ycaro Gabriel - guerreiro lindo!